NEVADA

Crise, guerra de preços, lucratividade em queda: nesse cenário pouco promissor uma pequena fabricante de sorvetes em Belo Horizonte resolveu investir no design como última esperança antes do fechamento. Estudamos o mercado, avaliamos forças e fraquezas, vislumbramos um novo posicionamento. Redesenhamos a marca, materiais de ponto de venda e sinalização. Com a faca no pescoço, algumas mudanças foram implementadas e a empresa durou mais três anos antes de fechar as portas.

Deixo este projeto aqui para me lembrar que design não faz milagre, que design não é só imagem, que há tempo certo para tudo. Para lembrar que cada projeto influencia vidas muitas vidas e pode custar empregos. Para lembrar que devo trabalhar para o bem do meu cliente, dos clientes de meu cliente. Para lembrar de ser humilde.

— — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — —

DESIGN: Vicente Pessôa 

— — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — — —

ÁREAS: Identidade Visual, Embalagem, Ponto de Venda, Impressos, Sinalização